CEDAV

Seja bem-vindo(a) ao CEDAV!

Blog

Tive pré-eclâmpsia em uma gestação. Posso ter de novo?

Muitas mulheres que enfrentaram pré-eclâmpsia durante uma gestação anterior, temem enfrentar o mesmo problema novamente. Mas surge a questão: é possível que aconteça novamente?

A resposta é sim! A pré-eclâmpsia pode ocorrer em qualquer gestação, sendo mais comum na primeira gravidez.

Mulheres que tiveram pré-eclâmpsia em gestações anteriores têm maior chance de ter uma reincidência. Quando o pai do bebê é o mesmo, a probabilidade de repetição é menor devido à adaptação imunológica da mãe ao seu DNA. No entanto, se a segunda gravidez for com um novo parceiro, a probabilidade permanece em 6%, semelhante à primeira gestação.

Durante a gravidez, os exames de imagem desempenham um papel fundamental no acompanhamento do crescimento fetal, detecção de anomalias e identificação de possíveis riscos, incluindo a pré-eclâmpsia. Entre esses exames, destacam-se a ultrassonografia morfológica e obstétrica e o ultrassom com Doppler. Esses exames são importantes para garantir um desenvolvimento saudável do feto.

O CEDAV é uma referência no cuidado da saúde da mulher em todas as fases da vida, contando com uma unidade exclusivamente feminina, na qual todo o atendimento é realizado por profissionais do sexo feminino, desde a recepção até o setor médico. Estamos aqui para cuidar de você em todos os momentos.

Fonte: Ministério da Saúde | Revista Crescer

Veja outros artigos

×